Davi Davino Filho destaca importância do Legislativo na passagem dos 202 anos de Alagoas

por Comunicação/ALE publicado 17/09/2019 21h22, última modificação 17/09/2019 21h22

Em pronunciamento durante a sessão plenária desta terça-feira, 17, o deputado Davi Davino Filho (PP) destacou a passagem dos 202 anos de emancipação política de Alagoas, comemorado ontem, e a independência do Brasil, celebrada no último dia 7. Ele destacou os grandes vultos históricos que contribuíram para que tanto o Estado quanto o País alcançassem a liberdade. “Esta data me inspira a lembrar e reverenciar outros milhões de heróis diários desse País. Heróis que todos os dias levantam cedo e, através do trabalho duro e árduo, vão em busca da sua independência”, disse Davino.

O parlamentar prosseguiu observando que, no momento de crise econômica e o desemprego, a sociedade não tem o que comemorar, uma vez que esse quadro de desesperança e incertezas, só amplia o abismo social existente no Brasil. “É nesse cenário que aumenta a nossa responsabilidade, sobretudo com aquelas pessoas que mais precisam”, observou. “O povo deste País nunca precisou tanto do poder público e cabe a nós deputados, cobrarmos todos os dias por mais oportunidades pra nossa gente e justiça social”, declarou Davi Davino.

De acordo com o deputado, os milhares de cidadãos que lutam em prol da sobrevivência e lutam pela sonhada independência financeira e dignidade, precisam encontrar nos poderes públicos seus direitos e apoio. “Os poderes públicos existem para dar existência real, força, dimensão à palavra cidadania. Esse direito desejado, sonhado, que tem que ser um patrimônio maior de todos nós, enquanto coletividade”, destacou, ressaltando que a atual legislatura da Casa de Tavares Bastos, através do entendimento político, de diálogo e independência tem tido uma postura proativa de contribuição ao desenvolvimento de Alagoas. “Vamos fortalecer ainda mais essa harmonia de um Parlamento firme, decidido e independente”, completou.

Apartes
Em aparte os deputados Davi Maia (DEM), Bruno Toledo (PROS) e Léo Loureiro (PP) e a deputada Cibele Moura (PSDB) contribuíram com o pronunciamento de Davi Davino Filho. Todos o parabenizaram pela escolha do tema. Maia leu um texto onde parabeniza o Estado pela passagem de seus 202 anos de emancipação e também destaca que Alagoas é o segundo ente do País com o maior índice de desemprego, com 15,2% de desempregados, além de ocupar um dos piores lugares no ranking do analfabetismo. Toledo disse acreditar no potencial do povo alagoano e brasileiro e cobrou mais liberdade e justiça social para todos. Ele disse ainda ser de opinião que justiça social também se faz através do setor produtivo, que gera emprego e dignidade para as pessoas.

error while rendering plone.comments