Presidente da Assembleia conclama bancada federal para defender “Operação Água é Vida”

por Comunicação/ALE publicado 18/02/2016 21h13, última modificação 18/02/2016 21h13

O presidente da Assembleia Legislativa de Alagoas, deputado Luiz Dantas, conclamou a bancada federal para uma ação conjunta em Brasília, diante da suspensão da distribuição de água em municípios vitimados pela estiagem. A paralisação se deve pelo fato de o governo federal não reconhecer os 41 municípios alagoanos em situação de emergência.

Luiz Dantas qualificou como de “caráter de urgência” a ação da bancada alagoana, no sentido de contribuir para reverter essa posição que inviabiliza a vinda de recursos para a Operação Água é Vida. “Estamos falando de muitos municípios alagoanos, que se fragilizam com essa estiagem prolongada. O quadro ainda fica mais grave quando se associa essa conjuntura de crise nacional”, argumenta o presidente do Poder Legislativo.

O decreto de 30 de dezembro de 2015, que enquadra as unidades municipais em situação de emergência, não foi reconhecido pelo governo federal. “Mesmo que alguns municípios tenham saído temporariamente da situação de emergência, em razão das chuvas de janeiro, o quadro é de profunda preocupação”, alertou Luiz Dantas, líder político sertanejo.

Na opinião do parlamentar, a burocracia governamental não pode se sobrepor à realidade objetiva de socorro aos mais fragilizados pelas intempéries. Se há alguma pendência, no entendimento de Dantas, então que resolva pontualmente, mas sem inviabilizar a continuidade de uma operação como essa, conforme anúncio da Coordenação da Defesa Civil em Alagoas.

error while rendering plone.comments