Presidente e deputados recebem comitiva de representantes do Incra

por Comunicação/ALE publicado 21/10/2021 15h14, última modificação 21/10/2021 15h14

O presidente Marcelo Victor, a deputada Ângela Garrote (PP) e os deputados Dudu Ronalsa (PSDB) e Paulo Dantas (MDB) receberam na tarde desta quinta-feira, 21, uma comitiva de representantes do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), que veio ao Parlamento em visita institucional para apresentar o diretor nacional do órgão, Udo Gabriel, e para tratar assuntos de interesse de Alagoas, a exemplo do serviço de emissão e entrega de títulos definitivos de posse das terras às famílias de assentados, a regularização fundiária de áreas da União, além de políticas públicas voltadas para os assentados.

“São pleitos emanados da Assembleia Legislativa, como os que tem sido feito pelo deputado Dudu Ronalsa, as solicitações da comunidade quilombola, por meio da deputada Ângela Garrote, e pedidos também feitos pelo deputado Paulo Dantas”, contou o superintendente do Incra em Alagoas, César Lira, informando que o Estado possui 69 comunidades quilombolas e 178 assentamentos. De acordo Lira, o Parlamento alagoano, a partir de suas cobranças, tem contribuído na construção de uma agenda que deve ser levada a Brasília por Udo Gabriel. Ele irá se reunir com a ministra da Agricultura, Teresa Cristina, e com o presidente Nacional do Incra, Geraldo Melo Filho.

O deputado Dudu Ronalsa disse que a reunião foi bastante proveitosa, tendo em vista que foi apresentado o trabalho desenvolvido pelo Incra, especialmente na questão de valorização dos assentados. “Eles fizeram uma explanação sobre o que foi feito durante esses três anos da gestão Bolsonaro, e nós, juntamente com o deputado Marcelo Victor, os demais deputados desta Casa e o deputado federal Arthur Lira, estamos apoiando esse trabalho”, disse Ronalsa, destacando que apesar de ser um órgão federal, os parlamentares estaduais também têm obrigação de dar esse suporte. Ele também ressaltou o empenho do superintendente César Lira. “Já se colocou à disposição para buscar mais recursos e fazer com que o Incra invista ainda mais nos assentamentos”, completou.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.